terça-feira, 7 de setembro de 2010

Inquietude

Não entendo como pode...
As coisas mudarem tanto...digo,as pessoas mudarem tanto por causa das coisas.
Nos despresamos uns aos outros quando conseguimos aquilo que tanto buscamos(quando digo "aquilo" quero dizer algum objeto,alguma "coisa" que se pode tocar)...Nós nos usamos e amamos o que tinha que ser usado.Quando o que tem o real valor é desprezado e agoniza.
Ninguém para!Ninguém parece querer parar pra ouvir quem pede socorro!
Sempre todos ocupados com a sua propria vida,com as suas "coisas".
Agora,alguém que está ao nosso lado,pode está rindo mas,é só disfarce pra dor que dentro grita.
E nós?!Nós não percebemos.
Porque não percebemos?Será que fechamos os nossos olhos(olhos esses do coração) por puro egoísmo?ou não temos a capacidade de nos cuidarmos???
O mundo está de cabeça para baixo...Ah se nós entendessemos o real motivo de nossa existência...Se soubessemos quem somos...
Talvez tudo seria melhor,nós seriamos melhores.


Aqui a gente pode gritar sem precisar emitir som...causa mais inquietude...mas as vezes da certo.

Me desculpem,usei esse espaço que foi criado pra postar coisas bonitas que é a nossa arte,pra postar algo que tem me apertado o peito.É que todos estão ocupados e sem tempo pra ouvir as manhas deste coração.
Foi bom...um desabafo...quase uma oração.
Agora sinto um alívio maior(foi como se tivesse conversado com alguém)e vou poder dormir tranquila.Peço que Deus proteja a todos nós nessa bela noite e que tenhamos todos um bom descanso.Amém!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quando passarem por aqui,deixem o seu comentário...Crítica sugestões ou elogios.
Ficarei bem feliz!!!

"Quase tudo é possível quando se tem dedicação e habilidade. Grandes trabalhos são realizados não pela força, mas pela perseverança."
"O segredo da felicidade é admirar sem desejar."